sábado , 20 janeiro 2018
Home / Destaque / Prefeitura de Tuparendi emite comunicado justificando demolição de subestação de energia.

Prefeitura de Tuparendi emite comunicado justificando demolição de subestação de energia.

A Administração Municipal de Tuparendi emitiu nota nesta quinta-feira, 28, justificando a demolição de um pequeno cômodo de alvenaria que havia sido construído recentemente em frente a Prefeitura, que serviria para abrigar  uma subestação energia. De acordo com informações da Secretaria de Administração,  as instalações elétricas do prédio da Prefeitura são muito velhas, e não suportam a carga demandada de equipamentos elétricos. Ainda existe a intenção de instalar aparelhos de ar condicionado, uma vez que as sala da Prefeitura não são equipadas com este tipo de equipamento, fato que gera desconforto aos servidores durante os dias quentes de verão,  podendo ainda causar danos em equipamentos de informática.  A Secretária de Administração, Dolores Turra, informou que a Administração Municipal pretender substituir  no futuro a fiação elétrica, também antiga, deficiente e dispendiosa.

Com a necessidade da construção desta subestação de energia, foi contratada uma empresa para proceder a construção da mesma,  sendo desta empresa a responsabilidade técnica. Depois de construída foi constada falhas na execução, fato que gerou a demolição, explicada em nota pela Prefeitura. Confira a íntegra do comunicado emitido pela empresa:

O Município de Tuparendi vem a público prestar esclarecimentos sobre a demolição da subestação de energia elétrica.

De acordo com o email enviado pelo Sr. Paulo Roberto Skonieski Junior, Engenheiro da Empresa Sete Engenharia Elétrica, foi identificada por parte da referida empresa, uma falha na execução da alvenaria para instalação da nova medição de energia elétrica da prefeitura, sendo que estava fora das medidas mínimas exigidas pela distribuidora de energia elétrica local, havendo a necessidade de reconstrução da subestação e posterior demolição e limpeza da construída fora das medidas.

Vale ressaltar que toda despesa oriunda da reconstrução da subestação fica a cargo da Empresa Sete Engenharia Elétrica, uma vez que o erro de execução do projeto foi ocasionado pelos colaboradores encarregados pela mesma, eximindo a administração de qualquer encargo financeiro referente a nova obra.”

IMG-20170929-WA0028

 

Comentários

comments

Veja Também

5296ba10-82db-44c3-bb33-c63b962348fa

Agafarma repassa recursos para o Hospital de Tucunduva

A Agafarma de Tucunduva, na pessoa de seu proprietário, Felipe Germano da Rocha, repassou na ...