terça-feira , 21 agosto 2018
Home / Destaque / Na cadeia: Suspeito de matar idosa em Tucunduva é acusado de crime semelhante em Novo Machado.

Na cadeia: Suspeito de matar idosa em Tucunduva é acusado de crime semelhante em Novo Machado.

A Polícia  apreendeu um menor de 16 anos suspeito de participar no crime que resultou na morte da idosa Arminda Smaniotto,  70 anos,  ocorrido no último final de semana na Vila Operária em Tucunduva.  De acordo com informações do Delegado de Polícia Tiago Teske  que atua no caso,  o rapaz foi detido por ter contra si um mandado de apreensão expedido pela Justiça  por estar foragido da Fase de Santo Ângelo. Segundo o Delegado ele teria  tido o benefício para sair da instituição temporariamente, mas não retornou, tendo sido este o motivo de sua apreensão. No entanto as investigações  levam a Polícia a crer na participação deste  adolescente no homicídio da idosa.   Ele  mora próximo a residência da vítima, teria sido visto na casa, e participou de um crime no município em  Novo Machado, quando um  idoso   foi agredido de forma severa em sua propriedade no interior do município. Segundo o Delegado o “modus operandi” no caso de Novo Machado e Tucunduva são semelhantes, o que reforça a suspeita sobre a participação do rapaz no crime.  Ainda de acordo com as informações do Delegado Tiago Teske,  a participação do menor no crime de Novo Machado já restou comprovada, e a Policia pretende provar a sua participação no homicídio da idosa na Vila Operária, negada pelo rapaz.  A polícia também  não descarta  a participação de outras pessoas no assassinato  ocorrido em Tucunduva.

O Delegado Tiago explica que a prisão do adolescente em Tucunduva foi negociada com sua própria mãe. Ela temia que o filho pudesse sofrer alguma represália em função da suspeita de ter participado no assassinato da vizinha, e negociou com a polícia a rendição do rapaz.

Após a apreensão do adolescente ele foi apresentado ao Ministério Público e encaminhado ao Fase de Santo Ângelo.

Como foi o crime

Arminda Smaniotto, de 70  anos,  foi encontrada morta no final da tarde do último sábado  na Vila Operária, periferia de Tucunduva. Segundo informações ela foi encontrada por um irmão que tentou  contato com a idosa sem resposta. A  mulher foi encontrada em frente a geladeira, com as mãos amarradas, um sinal de batida em um dos olhos e enrolada em um cobertor. Familiares informaram a polícia que  um televisor, um botijão de gás e um telefone celular da idosa teriam sido levados do local, o que faz a Policia trabalhar com a hipótese do crime de latrocínio ( roubo seguido de morte).

Delegado Tiago Teske
Delegado Tiago Teske que conduz as investigações.
Foto No Ar Noticias
Foto No Ar Noticias

Comentários

comments

Veja Também

72dd3252-d1cb-4639-a4aa-830823211641

O Paisagismo em Tuparendi

  Por Clovis Medeiros                 Morar em cidades grandes é muito estressante. Prédios altos impedem ...